Operação Verão: Parque Recreativo do Jordão está mais seguro!

Desde 1992 o Corpo de Bombeiros salva vidas no rio mais visitado de Guarapuava

Há 23 anos existe em Guarapuava, especificamente no Rio Jordão, a Operação Verão. Desde o dia 19 de dezembro as praticas mais comuns dos guarda-vidas em trabalho ao lado do rio são: resgate, salvamentos, advertências e atividade preventiva.

Segundo o Aspirante Motta, o Rio Jordão apresenta vários riscos. Existe três pontos que devem ser analisados antes de entrar na água:

1- Parte de cima da ponte principal: há grandes riscos de afogamento, pois a profundidade chega há 5 metros. (posto de guarda-vidas próximo: rampa).

2- Ponte da linha do trem: muitas pessoas se jogam de cima da mesma, podendo ocorrer alguma  lesão e posteriormente um afogamento (posto de guarda-vidas próximo: entre pontes).

3- Abaixo da ponte principal: os riscos são diferenciados por conta das pedras escorregadias, que podem levar as pessoas à terem uma queda e consecutivamente ser arrastadas pela correnteza (posto de guarda-vidas próximo: piscinas).

Obervação: O ponto aconselhável para banhar-se e nadar no rio Jordão, é próximo ao ponto piscinas, pois existe maior quantidade de guarda-vidas próximos. É um local com piscinas naturais e longe de pedras escorregadias e com profundidade de no máximo 1,5 metros.

Segundo o Corpo de Bombeiros, as orientações corretas para prevenir afogamentos é a melhor solução. Em momento nenhum é aconselhável entrar na água em caso de um possível afogamento, o que se recomenda é jogar um objeto flutuante, como pneu, boia, colete salva-vidas ou qualquer objeto que a pessoa possa se estabilizar na água, instrui Motta.

Em caso de emergência o melhor remédio é recorrer a pessoas intruidas e experientes, como os guarda-vidas. Todos os dias, a partir das 08:00h até as 20:00h, guarda-vidas civis, são supervisionado por guarda-vidas militares, para fazer o melhor trabalho e evitar qualquer tipo de afogamento.

Até o dia 22 de janeiro, foram feitas cerca de mil orientações preventivas e 11 resgates, sendo que até a data, nenhum óbito foi registrado. A Operação Verão se estende até o final do carnaval.