Economia

Guarapuava vende a gasolina mais barata do Estado

A média do preço do litro continua alta, apesar de ser a mais barata do Estado (Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo)   Jonas Laskouski   Na manhã desta sexta-feira (16), o programa Bom Dia Paraná, exibido pela RPC, exibiu uma reportagem mostrando que no começo desta semana muita gente no Norte do Paraná estava animado com o preço dos combustíveis. Mas, quem aproveitou o feriado para encher o tanque do carro levou um susto. Quem foi aos postos de Maringá, sentiu a diferença. De quarta (14) para quinta-feira (15), houve um aumento no preço da gasolina nas bombas. Em praticamente todos os postos visitados pela equipe responsável pela matéria, o preço estava acima de R$ 4.   Nas refinarias, uma coisa. Nas bombas, outra. Apesar da queda, reflexo não é visto na realidade (Foto: Reprodução)   No acumulado, de setembro até agora, a redução no valor do litro da gasolina já chega a 26% nas refinarias, só que na prática - disse o repórter - o motorista não enxerga isso nas bombas. A reportagem então, aproveitou o gancho para comparar o preço da gasolina no Estado, se baseando em um levantamento semanal feito pela ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). Segundo a pesquisa, feita em todos os municípios, a gasolina mais cara encontrada aqui no Paraná está sendo vendida em Cornélio Procópio. O preço médio do litro do combustível ficou em R$ 4,83. Já a gasolina mais barata, para nossa surpresa (e temos certeza, também a de vocês) está sendo vendida aqui em Guarapuava, ao preço médio de R$ 4,27. Não é o ideal para o bolso da grande maioria, mas ainda assim é a média mais barata do estado.   LEVANTAMENTO EM GUARAPUAVA O Extra Guarapuava foi conferir a informação. No site da ANP, o Sistema de Levantamento de Preços lista treze estabelecimentos de Guarapuava que são visitados semanalmente. Através dos valores de cada posto de combustível (cada um com sua política de preços) é calculada a média divulgada pela Agência. O último levantamento, realizado no dia 05 de novembro, mostra que o litro mais barato é vendido pela Rede Guapo  e pelo Posto B2, ao valor de R$ 4,090. A pesquisa mostra que o litro mais caro estaria sendo vendido pelo Posto Brasil Master por R$ 4,490. O Brasil Master, entretanto, contesta a informação, e afirma que o litro do combustível no estabelecimento está custando R$ 4,29 à vista. Veja a lista completa clicando aqui. De qualquer maneira, a dica, se você pode rodar, é pesquisar antes de abastecer. Vale à pena e o bolso, no final das contas, vai agradecer.