Política

Fundão Eleitoral: Partidos receberão R$ 2 bilhões em 2020

O valor proposto inicialmente era de R$ 3,8 bilhões. PT e PSL são os partidos que mais perdem com a nova proposta.
Deputados recuam e aprovam Fundo Eleitoral menor que o previsto para 2020 (Foto: Monique Renne)

Ao recuar da proposta para aumento do fundo eleitoral, cujas projeções eram de R$ 3 bilhões para o próximo ano, os deputados também se mostraram favoráveis ao aumento do orçamento destinado para as despesas e os investimentos em áreas como a saúde e o desenvolvimento regional e reduziram os gastos previstos com a Previdência.  

PT e PSL são os partidos que mais perdem com a nova proposta

O PSL, ex-partido do Presidente Jair Bolsonaro recebeu R$ 9,2 milhões em 2018 e receberia R$ 381,1 milhões se a proposta inicial fosse aprovada. Com o novo valor, receberá com R$ 202,2 milhões. 

Já o PT recebeu 212,2 milhões, e em 2020 deverá receber um montante menor, de R$ 200,6 milhões. Caso o fundão tivesse sido ampliado, o PT chegaria a R$ 378 milhões.

2% do total do Fundo Eleitoral é dividido igualmente entre todos os partidos.Cada partido recebe um montante calculado conforme o número de deputados federais e senadores eleitos na última eleição e o número de votos recebidos pelas legendas na última eleição para deputados federais.