Coluna do Tanaka edição nº 77

SANEPAR
 
Parece que teremos mudanças a nível local na direção da Sanepar. Deve deixar o cargo (mas não deveria) o advogado João Edson de Lima e já comentam, há dois nomes na lista para substituí-lo. Um deles, se apoiado e/ou indicado pelo deputado estadual Artagão Junior deverá ser o Dalmolin, que inclusive já foi chefe sanepariano em Guarapuava. O segundo, se indicado pelo deputado Bernardo Carli, poderá ser o competente funcionário Cesar Nadin. Se tiver um terceiro, certamente a deputada Cristina Silvestri indicará. Enfim, se o novo comandante trabalhar bem (porque o povo em 2014 se "encheu" da Sanepar estadual), merecerá os elogios de todos, até do Tanaka. Caso contrário, vamos telefonar para o Governador Beto Richa e dedurá-lo democraticamente.

JOÃO

E o possível ex-chefe da Sanepar João Edson vai pra onde? Como carreirista do órgão deve continuar alí até a sonhada aposentadoria. Caso contrário vai jogar no time do Prefeito Cesar Filho, é o que se fala a "boca pequena". Muda governo, mudam funcionários. O exemplo vem de Brasília. Mas na Prefeitura, as mudanças de secretários vão ocorrer ou só foi balão de ensaio e papos furados? Um comentário no Parque do Lago: "Em time que está ganhando não se mexe, é a regra". Na prefeitura guarapuavana, o time não está ganhando e deve-se mexer e logo. O Antenor do PT tá de "olho no sinhô (Prefeitura) em 2016".

FUTSAL

O campeão CAD/futsal tá chegando firme e forte em 2015 prometendo muito trabalho e gols bonitos para a torcida que for no Joaquinzão. Que beleza. No Batel, o positivismo da moçada é grande, pois, da segundona para a especial de profissionais em 2016, é um pulo. Basta montar um time bom, pagar bem o treinador e atletas, o comércio e até o poder público ajudar, que a coisa anda. Mas tem que ter no grupo os abnegados Sergio Ratinho, Marcelão Rabujento, Cristiano Bender, o irreverente Toninho Paraná e um grupo gestor que no "aperto" coloque a mão no bolso. Todos, supervisionados pela família Gelinski, em especial pelo mestre Alfredo.

TRISTE

Fiquei triste essa semana quando ouvi dentro da Prefeitura alguns funcionários (eles não me conhecem) "malhando", no bom sentido, o presidente da Câmara Municipal João Napoleão, desta forma: " De novo o chapeludo?", "Não tinha outro melhor?", "Um mais inteligente?". De uma turma de 6 comentaristas,  apenas um defendeu o Napoleão. " É o melhor gente e vai arrebentar na presidência". Fiquei com esse, pois, desde que cheguei em Guarapuava tenho visto falar bem do presidente. Se bobear, é claro, o castigo vem ligeirinho do Ministério Público.

MATOS

Matos, entulhos, lixos em geral, é o que temos visto em alguns bairros da cidade, completamente abandonados pela turma do Paço. Notaram que no começo de 2015, a bagunça e sujeira tomou conta de Guarapuava? Véspera de ano/eleitoral é preciso se espertar. O povo vê tudo e cobra. O telefone do Tanaka nesta semana não parou. Todos reclamando dos desmandos que acontecem na cidade. Falta de um observatório (dos chefes) mais eficiente. Tem chefe que até dorme no emprego, sabiam?

MATOS 2

Em compensação, o Matos Leão Artagão, informa a sua assessoria, vai dar o ponta pé em 2015 com muita vontade de trabalhar em prol do povo paranaense. Os guarapuavanos que aguardem as coisas boas gestionadas pelo deputado do PMDB que chegarão em nossa cidade e região central do Estado.  Por outro lado, o Tanaka está curioso para saber quem de Guarapuava vai para a Assembléia Legislativa ajudar a deputada Cristina Silvestri. Porque não aproveitar o politico Luciano Gago? Ou esse moço continua jogando na seleção de Bernardo Carli? Na política, a mudança é uma constante. Entra Pedro, João, sai Benedito, Pacheco, Luiz, Wesley  etc … No final, se observar bem, todos são farinha do mesmo saco e se perpetuam no poder, fácil, fácil. Concordam?

TIAGÃO

O ex-vereador e hoje assessor do prefeito Cesar Filho/PPS, Tiago Cordova, me informaram, faz um belo trabalho na Prefeitura. Na mesma sala, ao lado do Stoco e Nagibinho, atende o povo de uma forma satisfatória. Parabéns. Por outro lado, fala-se em "enxugamento" de apadrinhados na Câmara Municipal em 2015. Quem não tem funcionários no Legislativo é o vereador Elcio Melhem. Falando em vereador, ouvi um papo alí no Senadinho, que ano que vem, 3 nomes fortes à vereança ganham a eleição. São eles: Corretor de Imóveis Urbano, Radialista Celso Pinheiro e Empresário Darcy Zanlorenzi.  A pedido, pois aqui na coluna citamos anteriormente, o advogado Jair Ramos desmente e garante que não será candidato a vereador em 2016. Via telefone ele disse: " Deixa quieto, já passou a minha fase, quero atender os netos/atletas, a Leticia na natação, o Caetano (futebol em Santos) e o Caio no voleibol no Colégio Visconde".

About the author /


Tanaka

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA