Salto São Francisco, beleza escondida de Guarapuava

Maior queda d'água da região Sul do Brasil é pouco conhecida pelos guarapuavanos

É época de férias, verão…por isso, nada melhor do que sair e passear com a família, os amigos… Guarapuava oferece muitos atrativos para quem quer relaxar e curtir os dias de descanso, apreciando belas paisagens. A cidade é um 'cartão-postal' de belezas naturais.

(Fotos: AF Junior/Jornal Extra) Salto tem, aproximadamente, 196 metros de altura. Um dos maiores do Brasil

Entretanto, esses belos lugares, que despertam o interesse de turistas de várias partes do Brasil, passam despercebidos aos olhos do povo guarapuavano. Uma dessas maravilhas da natureza é o Salto São Francisco, uma ótima opção de lazer para qualquer época do ano. O jornal Extra foi conferir de perto, e conta, nessa reportagem, tudo o que rolou durante o passeio.

Além do salto, existem belas cachoeiras, como esta, ao longo do parque

O Salto São Francisco é a maior queda d'água da região Sul do Brasil, e uma das maiores do país. A queda está localizada numa região de tríplice fronteira entre os municípios de Guarapuava, Prudentópolis e Turvo, dentro da Área de Preservação Ambiental da Serra da Esperança. Na região, pertencente ao município de Guarapuava, foi criado pela prefeitura o Parque Municipal São Francisco da Esperança, com trilhas para caminhada e vista panorâmica do salto.

O Salto São Francisco é realmente de tirar o fôlego. Ele impressiona não só por sua beleza, mas, também, por seu tamanho. São aproximadamente 196 metros de queda livre, o que equivale a um prédio de 60 andares, onde a água se transforma em névoa antes de tocar no chão.

Estrada municipal

Porém, não é só o salto que enche os olhos dos turistas. O caminho até o ponto turístico é um encanto só. A estrada municipal, vereador Benedito de Paula Loures, é repleta de belas paisagens, muito verde e uma coisa que anda em falta nas cidades: ar puro. A ruazinha, estreita e sinuosa, é um charme. Está bem conservada, no entanto, precisa de alguns reparos e manutenção em ambos os lados da pista. É preciso tomar cuidado, ao volante, porque a sinalização é quase inexistente. Todavia, isso não diminui, em nada, sua beleza, que só aumenta a medida que se aproxima do parque São Francisco, ápice do trajeto turístico.

De acordo com a prefeitura, o responsãvel pela estradinha, apesar de ser municipal, é o governo do Estado, e cabe a ele a manutenção da malha asfáltica. Por sua vez, o poder municipal se comprometeu em fazer a limpeza, das vias laterais, e a sinalizar melhor a estrada. Ainda de acordo com a prefeitura, o município tem planos ambiciosos para esta estrada.

Caminho de São Francisco

Segundo o diretor de Turismo da prefeitura de Guarapuava, Márcio de Siqueira, o Parque do São Francisco, que agora é propriedade do Estado, será gerido, no final do processo de transição, pelo Instituto Ambiental do Paraná (IAP), o que fará com que o município fique, apenas, com a chamosa estradinha que leva até o parque. Ainda segundo Siqueira, a estrada mudará de nome e ganhará melhorias e infraestrutura para que seu potencial turístico seja melhor, e ainda mais, aproveitado, passando a se chamar Caminho de São Francisco. Isso para muito em breve…

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA