Beto Richa confirma que gastou menos em saúde e mais em salários

Em entrevista ao ‘Roda Viva’, da Tevê Cultura, na segunda passada (5), governador Beto Richa reconheceu que é o principal culpado pela ‘falência’ do Estado.

A senadora Gleisi Hoffmann, apontada por Richa, como uma das responsáveis pela grave crise financeira no Paraná, chama a atenção da população paranaense para os seguintes pontos: 

1)  o governador reconheceu as péssimas condições em que colocou as finanças do Paraná, embora tenha tentado transferir a responsabilidade para o antecessor. Além disso, o governador disse, à frente de todos e sem manifestar culpa ou arrependimento, que não ia a Brasília defender os interesses do Estado como seria seu dever e sua obrigação;

2) na mais grave afirmação que fez no programa, o governador admitiu que no ano passado gastou menos em saúde, e mais em salários, do que permite a Constituição da República. Ao confessar que desrespeitou a Constituição, o governador reconheceu que ele, Beto Richa, e exclusivamente ele, foi o responsável por tornar o Paraná inadimplente e, por consequência, impossibilitado de tomar empréstimos federais;

3) se o governador Beto Richa lançou o Paraná na inadimplência, isso quer dizer que não houve, tampouco há, qualquer perseguição ao Estado. O que houve e o que há é o descontrole das contas estaduais, para falar o mínimo;

4) novamente,  o governador Beto Richa incorreu em calúnia e  difamação ao afirmar que eu, Senadora pelo Paraná, estaria prejudicando o Estado. O governador disse isso, como das vezes anteriores, sem apresentar um único fato, um só indício ou citar qualquer ato meu que pudesse comprovar suas palavras. E não disse porque não existem. Todos os movimentos que faço são em defesa do Paraná e dos paranaenses;

5) por fim, reafirmo meu compromisso de continuar trabalhando com destemor, otimismo e esperança para construir um Paraná melhor e garantir a todos a oportunidades de viver com mais saúde e com mais segurança.

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA