Paróquia Sant’Ana se organiza para comemoração do Jubileu de Ouro

Foto: Divulgação

Em 2018, a Paróquia Sant’Ana completa 50 anos de fundação. Pertencendo à Diocese de Guarapuava, a igreja é considerada uma das mais antigas, fundada em 10 de março de 1968. Hoje, ela é regida por dois padres, Itamar Abreu Turco e João Inácio Kolling.

As comemorações e homenagens já estão sendo produzidas pelos participantes da comunidade, que envolve desde o pároco, jovens e famílias do bairro. O tema tem como nomenclatura: “Paróquia Sant’Ana – 50 anos – Nosso Povo, Nossa Fé, Nossa Missão – Igreja viva fazendo história”. Para isso, serão feitas novenas, banners e exposição de fotos antigas e um documentário histórico, dirigido pelo Padre Itamar.

Santa Ana ou Sant’Ana é conhecida por ser a mãe de Nossa Senhora e avó de Jesus Cristo. Com isso, a programação iniciou-se neste fim de ano, com as novenas e os grupos de orações, que terminam no dia 13 de dezembro. Além disso, o resgate da família e o vínculo pela comemoração do dia dos avós, em 25 de outubro é de grande valia para comunidade católica, pois traz a importância do nascimento, amor e união entre as famílias.

Padre Itamar Abreu Turco, jornalista e administrador paroquial, fala sobre a participação dos fiéis para as festividades e a importância do resgate histórico e cultural que os moradores e fiéis tem pela igreja. “Cada um faz a sua parte, nesta distribuição de tarefas, na preparação histórica, será um momento de exposição. Cada pessoa ficou responsável de estar montando um banner, com a história da sua pastoral. São mais de 20 pastorais organizadas, e cada um está contando como surgiu, quem foram os coordenadores, desde os primeiros e até os que estão agora. Então todos estão com muitas atividades, para retomar a história e recordar as memórias de nossa igreja”, conta o religioso.

Outro assunto que o Padre comenta é que estão tentando reunir todas as pessoas que já foram batizadas, crismadas e tiveram seu casamento na Paróquia. “Teremos o momento para aqueles que fizeram primeira eucaristia, os que fizeram crisma e os que se casaram. Será um momento para recordar toda família que fez parte da comunidade. Tem muitos pais que já fizeram vários sacramentos aqui na comunidade, outros já nem moram mais aqui”, frisou.

Tagged with:     , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA