Marcio Pauliki fala da experiência vivida como parlamentar em 1º mandato

FOTO.  Redação

Sondagens eleitorais apontam seu nome como possível candidato a deputado federal
Num momento político de muita turbulência no âmbito nacional é chegada a hora de ver quem foram os parlamentares que obtiveram sucesso na defesa da cidadania, com integridade, conquista de recursos e melhorias que as cidades e a população necessitam. Nesta edição abrimos espaço ao deputado estadual Marcio Pauliki (PDT). O empresário pontagrossense tem buscado uma linha diferente de ação como parlamentar em 1º mandato, na Assembleia Legislativa. “Me sinto orgulhoso e realizado, principalmente por vir do setor privado em defesa dos direitos não só do setor, como da população no geral. No início foram estudos e agora acredito ser o ano da colheita, de bons projetos e conquistas para as cidades”, destaca Pauliki.
De acordo com ele, a política precisa ser praticada na maneira correta, com menos discursos, onde o parlamentar fiscalize, mas acima tudo identifique as prioridades para população. “Só neste ano estamos conquistando mais de R$ 10 milhões em recursos para cidades a quais representamos, inclusive Guarapuava. Que além dos recursos para castração de animais, conta com nosso apoio nas obras de infraestrutura e saúde”, enalteceu.

Projetos de destaque
Ele destacou o programa “Paraná Competitivo”, que dá as as condições necessárias ao setor empresarial, para crescer, gerar empregos e renda no Estado. Pauliki é o autor proponente do programa “Nota Paraná Solitária”, que destina parte dos tributos arrecadados para entidades filantrópicas. “Somente para instituições de Guarapuava serão mais de R$ 500 mil neste ano. Com isso acredito estar cumprindo minhas funções de parlamentar, mas temos muito ainda para contribuir na defesa da nossa população e dos seus interesses”, frisou.
O deputado chama atenção para a relação de amizade e afinidade de trabalho com o prefeito Cesar Silvestri Filho, com os parlamentares de Guarapuava, Cristina Silvestri, Bernardo Carli e o secretário de Estado, Artagão Junior. “Essa relação harmônica faz com que possamos unir forças nas conquistas para Guarapuava e região. Mesmo sendo em alguns momentos recursos e conquistam que tem o mérito deles, nunca deixaram de contar com nosso apoio e cobrança junto do governo do Estado”, argumentou Marcio Pauliki. Como deputado e também como empresário que geram dezenas de empregos, disse que gosta e quer contribuir no crescimento e desenvolvimento de Guarapuava.

Exemplo em gestão
Enaltecendo o perfil municipalista do governador Beto Richa, que tem contribuindo com muito sucesso nos avanços e melhorias para as cidades e o Estado, o parlamentar disse que como empresário e representante político ficaria triste se o Estado ao qual representa não estivesse em dia como folha de vencimentos salários, como vem acontecendo em alguns estados da federação. Segundo ele, os servidores representam uma grande parcela da economia do Paraná, onde o PIB do Estado é o dobro que muitos outros estados no país. “Tenho certeza que os setores industriais, empresariais e prestadores de serviços vão mostrar o quanto o atual governo acertou nas suas ações, mesmo que amargas em alguns momentos”, avalia Pauliki.

“Além da luta contra as altas tarifas nos pedágios, conseguimos a isenção dos usuários que possuem doenças crônicas e queremos isenção das motos que circulam nas rodovias pedagiadas do Paraná”, Marcio Pauliki

Futuro político
Questionado sobre o seu futuro, Marcio Pauliki diz estar agradecido por seu nome ter aparecido em algumas sondagens eleitorais, com possibilidades de disputa de uma cadeira no Congresso Nacional, no cargo de deputado federal. Ele avalia que isso também seja em função dos atuais parlamentares federais terem ficado em função de julgar a saída da presidente Dilma Rousseff e agora do Michel Temer, onde os projetos essências de melhorias para o país e a população ficaram engavetados. “A imprensa está tendo e terá um papel fundamental no processo eleitoral, onde acredito que será separado o joio do trigo no setor político, mostrando as coisas boas que alguns parlamentares vêm fazendo, com isso teremos um congresso de melhor confiabilidade e de resultados”, reiterou, se colocando contra o financiamento público de campanhas eleitorais, avaliando que ao gastar milhões de reais numa eleição, depois de eleito o parlamentar vai tentar reaver esses valores de alguma forma, dando margem para qual ato corruptivo. “Que possamos ter 2018 um lava-jato que limpe os maus políticos e com isso o país volte a crescer. Vamos abraçar o desafio de resgatar e conquistar a confiança da população no cenário nacional”, frisou.

Tagged with:     , , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA