Delegado e policiais são presos por extorsão em Curitiba

Policiais da Delegacia de Armas e Munições (Deam) de Curitiba foram presos na manhã desta terça-feira (8) por extorsão. Um delegado, um escrivão e seis investigadores estão entre os dez presos na ação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) em parceria com o Ministério Público do Paraná.

No total, foram cumpridos 12 mandados judiciais, 10 de prisão e 13 de busca e apreensão, todos em Curitiba. Além dos policiais, foram detidos dois comerciantes do ramo de fogos de artifício. Eles são acusados de extorsão e associação criminosa.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos na casa dos investigados e também na sede da DEAM. Os objetos apreendidos ainda estão sendo relacionados.

A Corregedoria da Polícia Civil recebeu denúncias de que nos meses de novembro e dezembro de 2015 os policiais civis teriam exigido dinheiro dos empresários que fornecem fogos de artifício nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul para que não fizesse a apreensão das cargas. Cinco casos de concussão foram investigados – dois ocorridos em novembro de 2015 e três em dezembro do mesmo ano.

Também existe a denúncia de que os investigadores teriam exigido dinheiro do dono de uma oficina mecânica para não apreender um veículo com irregularidades.

O delegado está detido na carceragem do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), os investigadores e o escrivão estão na cela da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) e os comerciantes serão encaminhados para uma unidade prisional após depoimento na Corregedoria. Eles estão à disposição da Justiça.A prisão é temporária por cinco dias, podendo ser prorrogada por igual período e convertida em preventiva.

Se condenados, a pena para cada crime praticado pode chegar a mais de 10 anos de prisão. A Corregedoria da Polícia Civil vai instaurar um procedimento administrativo interno para investigar as supostas transgressões disciplinares, podendo resultar em demissão do servidor público.

Com: Paraná Portal

Tagged with:     , , , , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA