Andressa Gonzaga é o novo nome do fisiculturismo nacional

Uma paixão que vem tomando maiores proporções está levando a acadêmica do 2º período de Educação Física Bacharelado da Faculdade Guairacá, Andressa Bessa Gonzaga, a se destacar entre as melhores do país no fisiculturismo.

Há apenas um ano, ela deu o pontapé inicial que mudou completamente seu estilo de vida. A atleta contou que no início não almejava títulos, mas em pouco tempo, esse era o resultado que conseguia em cada desafio que se propunha, à exemplo do Paranaense e do Brasileiro nesse ano, onde sagrou-se a grande campeã.

“Há pouco tempo nem imaginava competir. Eu entrei meio por brincadeira, apenas visando uma vida mais saudável e gostei. De lá para cá mudei minha vida totalmente”. Andressa explicou que, em prol desse objetivo, de uma vida mais saudável, mudou sua alimentação, começou a fazer exercícios físicos e inclusive voltou a estudar, dando início ao curso superior de Educação Física na Guairacá.

Sua mais recente conquista foi o vice-campeonato no Sulamericano NABBA/WFF (WorldFitness Federation) 2016, realizado no dia 11 de setembro em Curitiba, onde representou o país na categoria Women Athletic. Participaram do evento mais de 100 atletas de dez países da América do Sul e México. “O nível foi realmente muito alto. São meses intensos de preparação em busca de uma única coisa, passamos por várias etapas e todas elas exigem muita dedicação, mas nesse momento todos se sentem vitoriosos, porque todo o sacrifício é recompensado”.

Para Andressa, o resultado foi uma grande surpresa. “Jamais imaginei um resultado tão significativo em um evento internacional. Até pouco tempo não me considerava uma atleta de alto nível, até por acontecer tudo muito rápido. Hoje estou me dedicando e me exigindo mais, para estar em um bom nível para competir”. Para ela, preparar-se para um campeonato é certamente mais desafiador que a própria competição.

A atleta ainda afirmou que os ensinamentos na instituição têm a ajudado muito em sua carreira como atleta. “Tenho aprendido muito nas disciplinas, principalmente em conteúdos relacionados aos atletas de alto rendimento. Isso tudo tenho levado para o meu dia a dia e tem feito a diferença”.

O título no Sulamericano concedeu à acadêmica de Educação Física o índice técnico para o Mundial NABBA/WFF 2016 que acontece no dia 06 de novembro na Irlanda, onde ela ainda avalia a possibilidade de participação, e também, para o Mundial NABBA/WFF 2017 no Rio de Janeiro.

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA