Estímulo à inovação

Setecentos! Número cabalístico? Numerologia? Que nada. Setecentos foi o número de cidadãos comuns de Guarapuava que entraram na Agência do Empreendedor, na Prefeitura Municipal, só no primeiro semestre deste ano, e saíram de lá como micro empreendedores. O número foi revelado pelo prefeito César Silvestre Filho durante uma cerimônia em que foi (re) lançado o programa Inova Guarapuava, voltado a micro e pequenas empresas e agora estendido aos MEIs (Micro Empreendedores Individuais).

Mas afinal, o que vem a ser o Inova Guarapuava? Trata-se de um fundo que possui em caixa R$ 300 mil, dinheiro esse utilizado para contribuir parcialmente no pagamento de consultorias especializadas que vão orientar empresários sobre como ampliar, modificar, estruturar ou reestruturar seus investimentos, apresentando projetos de inovação. O fundo entra com 80% do valor cobrado pelas consultorias, os outros 20% ficam por conta do empresário.

Parceria da prefeitura com o Sebrae/PR, o Inova integra o programa Guarapuava Empreendedora e busca identificar as potencialidades individuais além de auxiliar no desenvolvimento local.

Exemplo

Emerson Theodorovicz, empresário do ramo de tecnologia é um dos exemplos bem sucedidos do programa. Ele usou os benefícios do Inova tanto para economizar dinheiro quanto para obter recursos e serviços de qualidade que ajudaram sua empresa a crescer. “Eu já conhecia os serviços que o Inova oferecia através do Sebrae e, posteriormente, pelo Guarapuava Empreendedora. Quando você tem o conhecimento que sua empresa vai investir 20% do valor total para uma inovação, as ideias começam a surgir e você não pode perder a oportunidade de utilizar esses recursos. Através do Inova eu consegui registrar minha pequena empresa, renovar a ambientação da loja e ainda ter um e-commerce”, conta o empresário.

Criado no ano passado (em abril), até dezembro atendeu 190 empresas por meio de financiamento de projetos inovadores, palestras técnicas, consultorias e clínicas tecnológicas, que são os encontros promovidos por empresários do mesmo setor econômico.

Destas, 36 foram beneficiadas pelos recursos do fundo; 58 participaram de palestras; 52 receberam consultorias e diagnósticos; e 44 compartilharam de clínicas tecnológicas, que consistem em encontros para empresários do mesmo ramo.

Menos burocracia

A Agência do Empreendedor é uma das iniciativas da Prefeitura que está contribuindo para reduzir a burocracia quando se trata de abrir uma empresa. Até bem pouco tempo esse trâmite – que envolve vários órgãos públicos, inclusive a Prefeitura – era bem demorado. Algumas iniciativas fizeram com que esse tempo caísse para 48h. Agora, para alegria de muitos, o cidadão demora apenas 24 horas para percorrer todos esses caminhos e se tornar um empreendedor.

Tagged with:     , , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA