[Especial Turvo] Jeronimo Gadens fala de 11 meses de mandato

FOTO. Divulgação

Para 2018 estão sendo projetados recursos importantes para investimentos que vai tornar o município com forte potencial energético e na geração de empregos  

A cidade de Turvo com uma população estimada de 13,8 mil habitantes viveu tempos difíceis nas últimas gestões públicas, que fez com que o atual prefeito Jeronimo Gadens do Rosário, com uma equipe dedicada e apoio da Câmara de Vereadores traçasse metas audaciosas para tirar o município do ostracismo.
Em entrevista exclusiva ao Jornal Extra Guarapuava ele fala dos desafios enfrentados, as ações, os projetos e melhorias para cidade e a população em 2018. Confira alguns tópicos da entrevista.

Tanto a população como região conheciam a real situação que se encontrava o município quando o senhor assumiu. O que mudou nestes 11 meses de gestão?
Jeronimo Gadens- Em primeiro lugar a autoestima da população. Da nossa parte conseguimos superar as dificuldades iniciais, com dívidas herdadas, onde tivemos que avaliar alguns contratos, que existia valores acima da realidade administrativa do município, alguns desses contratos considerados superfaturados, com a nossa postura de seriedade e comprometimento na gestão pública conseguimos eliminar. Se fez necessário algumas ações emergenciais no setor de maquinário, com a contratação de serviço de manutenção e trocas de pneus. Podemos afirmar que estamos com 90% da frota regular e operando na recuperação e reconstrução de estradas na cidade e comunidades do interior. Tivemos melhorias significativas no setor de transporte escolar. Também focamos nas melhorias em áreas essenciais e estratégicas para o bom atendimento da população. Juntos com os secretários elencamos pautas prioritárias, que estão rendendo bons resultados. Retomamos obras que estavam paradas, algumas até abandonadas e algumas delas já estamos em fase de conclusão.

A maioria das prefeituras enfrentam dificuldades financeiras até para folha de pagamento e o décimo terceiro do funcionalismo. Como se encontram as finanças do município?
Jeronimo Gadens- Eu diria que estamos bem! Buscamos recursos nos governos estadual e federal, como também estamos buscando parcerias, como aconteceu com a Copel para construção de uma nova subestação de energia, fator primordial para o crescimento industrial do município. Com a empresa de papel Ibema serão várias parcerias com investimentos significativos, com a pavimentação do asfalto na rodovia que liga a empresa, como também na construção de usinas PCH’s. Estamos com os pagamentos aos fornecedores em dia, a folha salarial e o décimo terceiro já foram quitados com os servidores. Temos cerca de R$ 3,3 milhões da Funasa sendo liberados para construção de poços artesianos e para construção de 60 módulos sanitários. Para 2018 serão inúmeras emendas parlamentares a serem liberadas, para obras de infraestrutura e aquisição de veículos.

Pelo visto o senhor aposta neste novo parque industrial. Essas usinas “PCH’s” vão gerar empregos para população local?
Jeronimo Gadens- Não só vai gerar cerca de 300 empregos por um período de dois a três anos, como vai fomentar fortemente o comércio local. A Indústria de Papel Ibema deverá construir duas usinas hidrelétricas de pequeno porte. O Parque Industrial foi criado em 2013, mas desde que assumimos estamos buscando aplicar novos investimentos, trabalhando a questão de zoneamento. Paralelo a isso teremos um potencial energético muito positivo para o município num futuro breve. A Sanepar também deverá fazer investimentos numa usina de tratamento de esgoto doméstico e a implantação de redes de coletas de esgotos em 120 residências. Todos esses recursos somados juntos passam de R$ 100 milhões. Serão investimentos públicos/privados nunca visto antes na história de Turvo.

Com a crise dos consórcios de Saúde, de que forma o município vem administrando os casos de média e alta complexidade?
Jeronimo Gadens- O município participa em dois consórcios de Saúde, o Cisgap e Cis, em Guarapuava. Contratamos um Ortopedista, dois clínicos gerais e um odontólogo para atender exclusivamente os pacientes no município. Em alguns casos anteriormente, a população estava sendo encaminhada para Campo Largo. Avançamos de forma positiva no atendimento à população em exames laboratoriais. Tínhamos mais de 300 pessoas na fila de Oftalmologista e estamos zerados agora. Percebo que a população está melhor assistida com algumas ações que adotamos no setor de Saúde.

Se percebe neste momento algumas dificuldades dos gestores e políticos quando precisam se encontrar com a população em eventos. Como está sendo o contato com a população?
Jeronimo Gadens- Realmente é um momento muito complicado para a classe política. O Trabalho nosso e da equipe nestes 11 meses, deu confiabilidade para seguirmos em frente, onde estamos tendo uma relação direta com a população, no comércio, bairros e comunidades do interior. Temos agido com muita transparência mesmo nos casos mais crônicos de mostrar para população que as coisas não são fáceis no setor público. Estamos muito otimistas que vamos ter muitas conquistas para população. Fico feliz pelo carinho que venho recebendo das pessoas, independente do processo eleitoral sou o gestor que governa de forma igualitária para todos. Para 2018 teremos um aumento na arrecadação municipal com a entrada do ICMS Ecológico e isso serão recursos que vamos injetar na Saúde, Educação, Agricultura e melhorias na cidade.

Qual a mensagem para população neste fechamento de ano?
Jeronimo Gadens- A duras penas que tivemos que passar em todo este processo político foram superados. Espero 2018 com muitas conquistas e realizações para essa população batalhadora, que tenhamos num futuro próximo o orgulho estampado no rosto de ser cidadão e morar na cidade do Turvo. Que otimismo esteja em cada lar ou empresa deste município.

Tagged with:     , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA