Enquanto o governo Federal tenta chegar a 100 mil moradias no país, no Paraná já são 80 mil casas

FOTOS: Assessoria

Em Guarapuava estão liberados os recursos para construção de mais 100 moradias no distrito da Palmeirinha

As 144 moradias entregues pelo governador Beto Richa, em Paranavaí, no Noroeste do Estado, na última semana, registraram a marca de 80 mil casas populares no Paraná. Segundo dados do Ministério das Cidades, no país o governo federal esperava chegar a marca de 100 mil casas até o final de 2017. “É inquestionável a revolução habitacional que aconteceu no Estado, com a garantia de moradia decente e de qualidade, que confere às famílias do Paraná uma vida mais digna”, afirmou Richa. Ele destacou que já passa de 80 mil o número de famílias atendidas com casas próprias desde 2011. Somando as regularizações fundiárias, são 105 mil famílias beneficiadas em todo o Estado. Com o novo residencial, agora são 1.722 famílias atendidas com habitação em Paranavaí.

O governador Beto Richa disse que espera ver obras de construção de novas casas neste ano em todas as cidades do Paraná

Richa afirmou que o trabalho do Estado é reconhecido pelo governo federal em razão do volume e da qualidade dos projetos que são apresentados. Ele lembrou que no final do ano passado, conseguiu liberar mais R$ 246 milhões para a construção de 3.331 novas casas. “Para um gestor público, tão importante quanto a competência é a sensibilidade de perceber as carências e necessidades das famílias. Todos os municípios paranaenses foram beneficiados com alguma ação do programa habitacional”, destacou o governador.

A expansão de moradias populares no Estado, explicou o presidente da Cohapar, Abelardo Lupion, envolve, também, o maior programa de regularização fundiária da história do Paraná. Ele afirmou que, além das 25 mil regularizações já concretizadas, a Cohapar trabalha para realizar mais 42 mil até o final de 2018. Lupion destacou, ainda, o programa do cadastro online, pelo qual o cidadão pode se inscrever na própria Cohapar. “Com esse sistema podemos detectar as demandas de cada município, o que garante um planejamento mais real. Além disso, as pessoas não passam pelo desgaste das filas”, explicou.

GUARAPUAVA

Para 2018 já estão sendo liberados recursos que dará início a uma nova etapa de construção de moradias nos 399 municípios paranaense. Entre eles Guarapuava, onde o terreno já está sendo preparado para a construção de 100 casas na sede do Distrito da Palmeirinha, como parte do programa Morar Bem Paraná. Serão atendidas as famílias de baixa renda que se enquadram na faixa 1, do Programa Minha Casa Minha Vida. “Mais uma vez, a atuação conjunta dos governos municipal, estadual e federal renderá benefícios para a população de Guarapuava. É um projeto com infraestrutura completa, que traz segurança e transforma a vida das pessoas”, destacou o prefeito Cesar Silvestri Filho.

MAIS BARATO

O Governo do Estado, por meio do programa Morar Bem Paraná, ofereceu a assessoria técnica da Cohapar e materiais para a instalação dos sistemas de água e esgoto em parceria com o Instituo das Águas, o que ajudou a viabilizar o projeto e diminuir ainda mais o preço dos imóveis. Graças a uma contrapartida oferecida pela Prefeitura de Paranavaí, os novos moradores também terão isenção de impostos vinculados ao imóvel, como ITBI e IPTU.

CASA BOA

Valdirene Rodrigues, cozinheira, achava que não conseguiria ter uma casa própria. Ela morava com o pai. “Agora deu certo e estou na casinha nova. Uma casa boa, bem do jeito que a gente queria”, disse ela. “É uma alegria. A gente vai mexer, fazer muro e grade e aumentar futuramente. Melhorar mais ainda”, contou Valdirene.

Ansiedade e esperança eram também os sentimentos de Janaína dos Santos Pereira, dona de casa, e de Diego Barbosa, vendedor. “A gente morava na casa da sogra e esperava muito pela nossa casa. É a realização de um sonho, vida nova, ano novo”, disse Janaína. O casal está com a mudança toda arrumada e se muda ainda nesta semana.

PRESENÇAS

Participaram da entrega de casas em Paranavaí, o secretário da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho; os deputados federais Luciano Ducci e Nelson Padovani e o prefeito de Santa Cruz de Monte Castelo e presidente da Associação dos Municípios do Noroeste do Paraná, Fran Boni.

Tagged with:     , , , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA