Brasil x Alemanha – muito além do 7×1

Brincadeiras a parte, o país europeu possui uma grande diversidade natural e cultural e apresenta-se como um dos mais populares destinos turísticos do mundo. De castelos, vilas idílicas, vales alpinos, praias e lagos intocados para o eterno festival urbano de cidades, a Alemanha é uma combinação singular de encanto, muito cosmopolita e com um estilo de vida único


 

Além de limpeza impecável, pontualidade e oportunidades, o que não falta neste país é animação, belas paisagens, história e claro, brasileiros. Apresentamos, com muito prazer, tudo sobre a Alemanha, aos olhos da gerente financeira, Mara Cristiane.

País de oportunidades

Em 2009, uma oportunidade de emprego em uma gelateria levou Mara e seu marido Adenilson Campos, à pequena Offenbach, localizada no centro da Alemanha. Ao longo de dois anos e meio, foram diversas experiências e oportunidade de crescimento. Atualmente, em comparação com outros países, a Alemanha proporciona boas hipóteses de trabalho e, há seis anos não foi diferente. “Os alemães valorizam a mão de obra brasileira, porque nos vêem como pessoas competentes. Elencado há inúmeros postos à espera de ser ocupados, recebemos a oportunidade”, elucida.

Belezas

Como nem só de trabalho vive o homem, o casal aproveitou as belas paisagens européias. Também, com sistema de transporte impecável e moderno, não foi difícil atravessar fronteiras. Durante a residência na Alemanha, Mara e Adenilson conheceram quatro países, sendo a Áustria, Portugal, Espanha e a também a Itália. Inclusive, foi no país das massas que Mara se encantou com o Lago di Garda, seu ponto turístico favorito de toda a Europa. “Este lago é um local de encontro na Itália. Ele fica entre as províncias de Brescia e Verona, sendo margeado por belas aldeias com seus parques e resorts. Quero voltar para a Europa futuramente e de preferência, morar perto desse lugar”, explana.

Culinária alemã

A cozinha alemã é uma culinária que não admite desperdício. Ao longo dos tempos a Alemanha passou por situações difíceis e climas rigorosos. Assim todos os alimentos precisavam ser aproveitados e conservados da melhor forma. Salsichas, queijo, geléias e embutidos em geral são frutos deste desenvolvimento.

Porém, durante toda nossa série de reportagens, observamos que a nossa comida ganha de 7×1 da europeia. E nessa edição não foi diferente. De acordo com Mara, uma das saudades durante a viagem foi do feijãozinho brasileiro. “Lá não tem feijão. Mas carne suína e batata são produtos do dia-a-dia. Existe uma enorme variedade de receitas destes produtos, sejam cozidos, assados, gratinados ou fritos. A comida é pesada e então eu senti falta da comida brasileira”, comenta.

Curiosidades

Embora diversas campanhas tentem diminuir o uso de sacolas plásticas nos mercados brasileiros, a prática não vingou. Já na Alemanha, cada morador tem sua própria sacola reutilizável de algodão. Além disso, em diversos estabelecimentos não há pessoas operando os caixas, os clientes passam e pagam sozinhos a própria a compra.

Outra curiosidade, não apenas alemã, mas da Europa como um todo, é que casais não tem a prática de dormirem juntos. Aliás, não há sequer a opção de ter camas de casal. “Nem camas, nem lençóis. Só existe cama de ‘solteiro'”, conta.

Além disso, assim como no Brasil enfeitamos as casas e praças para o natal, na Europa há uma atenção especial em relação à páscoa e dia dos namorados, conhecido como Valentine’s Day. “Os jardins são decorados e há muita alegria. O dia das bruxas também é muito comemorado. O brasileiro têm muitos mitos, mas os europeus ganham de nós em relação à superstição”, conclui.

Tagged with:     ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA