Gozar e levantar? Nem pensar!!

Alô gatinhos e gatinhas de todas as idades. Aqui é a Mariana. Lembra de mim?

Hoje eu quero falar com você que pensa que sabe transar, mas goza, levanta e vai embora. Você homem. Com as mulheres falo em outra oportunidade.

Se você está com pressa, dá uma rapidinha. Pode ser em qualquer lugar, nem precisa ir prá cama. Agora, se realmente você quer fazer amor, quer trepar, quer transar, você precisa saber que existem algumas regrinhas básicas que precisam ser seguidas.

Essa é uma delas.

Nunca, mas nunca mesmo, goze, levante, tome banho ou apenas se vista e vá embora. Pressinha nessa hora? Sem tempo? Que é isso, companheiro. Sua namoradinha, amante, ficante, seja lá quem for, não é depósito de esperma, que você goza e pronto.

Nem mesmo se você transar pensando que nunca mais vai sair com aquela mulher. Nunca goze, levante vá embora, porque mulher fala com mulher e logo logo sua fama vai estar abaixo do tapete.

Vamos a um roteiro bem simples: comece com uns beijos na boca, vá deslizando pelo pescoço, chegue aos mamilos (eles aceitam até umas mordidinhas, de leve, que não machuque) e vá descendo. A barriga merece uma atenção toda especial da tua boca. Beije, acaricie, lamba (enquanto isso seus dedos devem estar explorando outros caminhos e orifícios) e só então desça para aquela grutinha onde se esconde o prazer.

Aí você transa. Aí você goza.

Vamos ao roteiro seguinte? Beije a sua parceira, saia de dentro dela devagarinho, fique deitado em cima por uns bons minutos (também não precisa ficar uma eternidade, viu?) e só então deslize, devagar, para o lado.

Aí é o momento de dar mais uns beijinhos nos peitinhos dela, de acariciar sua barriga, de passar a mão em sua vagina ainda molhadinha do seu prazer, dar um beijo demorado na boca, umas mordidinhas de leve no pescoço e deitar tranquilo, dar um suspiro bem longo demonstrando o quanto foi gostoso. Relaxe por alguns segundos que seja.

Não, você ainda não está liberado prá sair correndo para o banho ou para vestir a cueca. Deixa o xiquinho ou seja lá como você chama o seu pau descansar um pouco também. Só depois dele bem relaxado, você está liberado para levantar.

Porém … e sempre há um porém, antes da transa lembre de dizer ao seu amorzinho do momento que você não tem muito tempo. Talvez ela também não tenha e aí tudo bem que se levantem, se lavem do suor que esteve impregnado em vocês dois e cada um tome o seu rumo.

Gozar, levantar e ir embora é um desrespeito. Ninguém gosta de se sentir objeto de despejo do prazer do outro.

Você, homem, gostaria que a mulher que você acabou de – literalmente – comer, fizesse isso? Gozar e ir embora? Fique sabendo, isso é frustrante, muito frustrante!

Até!

Tagged with:     , , ,

About the author /


Falando sobre sexo

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA