Projeto do Detran aborda o trânsito de forma interdisciplinar

Foto: Agência Estadual de Notícias

São parceiros do Detran no projeto, a Secretaria de Estado da Educação e a Polícia Militar do Paraná

O Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) lançou no começo desta semana em Curitiba, o projeto Jovem do Trânsito. A iniciava, em caráter de projeto-piloto, tem como objetivo trabalhar o tema trânsito de forma interdisciplinar com alunos do ensino médio de escolas estaduais. São parceiros do Detran a Secretaria de Estado da Educação e a Polícia Militar do Paraná.

“Muitos desses jovens serão os futuros condutores. Por isso, o projeto funciona como uma antecipação de uma visão crítica daquilo que é o trânsito. Vamos abordar temas com os quais eles irão conviver quando passarem pelo processo de primeira habilitação, incluindo legislação, direção defensiva, noções de primeiros socorros, proteção, além do respeito ao meio ambiente e o convívio social”, explica o diretor-geral, Marcos Traad.
A primeira fase acontece em Curitiba, nos Colégios Estaduais Bom Pastor e Homero Baptista de Barros e também no Colégio da Polícia Militar.

Para a pedagoga do colégio Homero Baptista de Barros, Iolanda Champoski, a imaturidade dos jovens em relação às responsabilidades no trânsito preocupa as famílias e os educadores. “Percebemos que os alunos ainda são muito imaturos em relação ao trânsito. Temos aqueles que vão de bicicleta, ônibus, a pé, e notamos que o que importa para eles é chegar rápido, independente dos riscos. Esse projeto é muito importante, pois será possível despertar essa responsabilidade nos alunos e fazer com que tenham ciência do cuidado com a vida deles e do próximo”, disse Iolanda.

O projeto vai contar também com palestras semanais, ministradas por policiais da Patrulha Escolar e com material especializado produzido pelo Detran. “O Batalhão já executa há vários anos um trabalho de prevenção do tráfico de drogas, de violência dentro das salas de aulas e agora, com essa parceria com Detran, será possível levar aos estudantes assuntos para que se tornem mais conscientes no trânsito, transformando assim as vias urbanas em locais mais seguros”, afirma o comandante do Batalhão da Patrulha Escolar Comunitária (BPEC), tenente-coronel Ronaldo de Abreu.

Tagged with:     , , , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA