Faculdade Campo Real encerra o projeto Mamãe Coruja com resultados valiosos

Foto: Assessoria

O objetivo do projeto era desenvolver conceitos de vínculo afetivo materno das mamães com o bebê, desde a gestação

O Projeto Mamãe Coruja desenvolve conceitos de vínculo afetivo materno com o bebê, desde a gestação. A ação também trabalha com aconselhamentos de saúde, emocionais e psicológicos com mulheres durante o período gestacional.

Na última quinta-feira, (9), foi dia de encerramento da segunda turma do Projeto Mamãe Coruja. A ação foi promovida pela Faculdade Campo Real, por meio do curso de Psicologia, trabalhando conceitos de empoderamento pessoal e feminino. O encontro foi composto por dia de beleza e confraternização entre as participantes.

A ação teve o acompanhamento da professora e coordenadora do curso de Psicologia, Ana Bela dos Santos, como orientadora do Mamãe Coruja, orientadores acadêmicos e mais 10 monitores/acadêmicos. O Mamãe Coruja é idealizado pelas acadêmicas de Psicologia, Danielle Figueiredo e Fernanda Gasparetto.

“Desenvolvemos temas de empoderamento, para que as mães possam se cuidar no período da gestação, antes do parto e também após o nascimento do filho”, explica a professora Ana Bela.

O Projeto Mamãe Coruja também possui como objetivo: Promover, por meio da audição/escuta de músicas clássicas, o desenvolvimento do processo cognitivo do bebê; Estimular o vínculo materno por meio da voz da gestante por meio do canto de canções; Construir um repertório musical gestacional individual; e Trabalhar medos e ansiedades da mãe através de relaxamentos corporais e audições musicais.

Tagged with:     , , , , ,

About the author /


Extra

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Newsletter

ASSINE O EXTRA